You are currently browsing the tag archive for the ‘vontade de Deus’ tag.

amanhecer1

As promessas do Senhor são confiáveis e infalíveis. Entretanto, muitas pessoas que enfrentam situações difíceis enquanto esperam que aquilo que Deus prometeu cumpra-se em sua vida, costumam perguntar: “Por que as promessas do Senhor não se realizam da maneira como desejamos, e no tempo que achamos ideal, propício?”. Elas não entendem porque às vezes as circunstâncias caminham na contramão das vitórias que Deus prometeu.

Quando você estiver passando por adversidades, lembre-se de que “todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados pelo seu decreto” (Romanos 8.28).

Mesmo que a vida delineie diante de você um panorama de adversidades, de contradições, de situações conflitantes e difíceis, mantenha-se firme na fé, jamais duvide das promessas e da fidelidade do Senhor.

Continue confiante no plano de Deus para sua vida, mesmo sentindo que uma forte ventania e uma grande tempestade o têm envolvido. De acordo com as promessas de Deus, era para estar soprando uma brisa suave. Mas não se deixe abalar. Se o vento é fortíssimo e atrapalha a sua caminhada, não se esqueça de que você tem promessas de Deus, e que Suas promessas não falham. Tudo o que está acontecendo agora é circunstancial, é momentâneo. As dificuldades cessarão.

Mesmo que você esteja debaixo da correção de Deus, não deve esquecer que o Senhor é bom, e que as suas misericórdias duram para sempre. O salmista Davi nos chamou a atenção para isto:

“Porque não passa de um momento a sua ira; o seu favor dura a vida inteira. Ao anoitecer pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã” (Salmos 30.5-6, ARA).

As promessas do Senhor são infalíveis. Espere com fé, pois Ele não se esqueceu de você. Em Isaías 55.8, o Senhor diz:

“Porque os meus pensamentos são mais altos do que os vossos pensamentos”. (Isaías 55.8)

As circunstâncias adversas que surgem antes que as promessas de Deus se cumpram têm que ser consideradas segundo a ótica de Deus, e não segundo a visão limitada do ser humano. Não sabemos nem temos a capacidade de pensar como Deus. Somente após uma entrega total de nossa vida a Jesus é que poderemos “ter a mente de Cristo” (1 Coríntios 2.16). Só então entenderemos porque a vontade de Deus prevalece acima das contradições da vida.

Pr. Silas Malafaia – Assembléia de Deus na Penha (RJ)

* Trecho da mensagem A vontade de Deus e as contradições da vida, pregada no 11º Congresso Pentecostal Brasileiro Fogo para o Brasil.

Namorado-duvida

Muitas pessoas carregam no coração uma grande dúvida com relação à vida sentimental. Ou seja, como saber se esta ou aquela pessoa é a que Deus separou para mim? Como saber se este namoro é de Deus? Venho fornecer algumas dicas a este respeito. São dicas baseadas em experiências e orientações contidas na Palavra de Deus.

1ª dica – Os Frutos – Como disse Jesus, uma boa árvore se conhece pelos frutos “Portanto, pelos seus frutos o conhecereis” (Mateus 7:20). Assim, veja se o rapaz ou a moça é um servo de Deus, analise o seu comportamento, a sua vida com o Senhor. Cuidado, pois existem muitos lobos vestidos de ovelhas.  Certa vez eu namorei um rapaz e chegamos a ficar noivos. No começo ele me acompanhava no trabalho da igreja. Depois que ficamos noivos, disse que precisávamos dar um tempo da igreja e começou a querer me impedir de exercer meu ministério. Ou seja, começou a apresentar maus frutos. Eu então decidi terminar o namoro embora gostasse muito dele. Melhor fazer a vontade de Deus do que fazer a vontade dos homens, não é mesmo? Assim, ao namorar alguém precisamos verificar com atenção os seus frutos.  É preciso tomar cuidado quanto a isto, pois muitas vezes, por estarmos envolvidos sentimentalmente, não prestamos a atenção neste aspecto. Criamos uma certa ilusão e nos esquecemos de analisar os frutos da pessoa. Por este motivo, analise friamente os frutos da pessoa que está se envolvendo. Veja a sua vida na igreja e especialmente em casa, se é um bom filho ou boa filha, analise também o seu comportamento profissional, etc.  É muito fácil ser cristão na igreja, os verdadeiros frutos são revelados no dia a dia, nos bastidores.

2ª Dica – A paz – A Palavra de Deus diz que a “paz” deve ser o árbitro em nossos corações “Seja paz de Cristo o árbitro em vosso coração” (Col. 3:15). O árbitro é aquele que resolve uma questão, que direciona. Ou seja, a paz deve ser o indicativo se o relacionamento é ou não da vontade de Deus. Assim, se o namoro é algo que rouba paz, que leva a pessoa a ficar  distante de Deus, que traz inquietação, perturbação, cuidado pois há algo de errado. Lutas e obstáculos sempre existirão, enfim, lutas externas e até desentendimentos esporádicos causados por diferenças de opiniões. Todavia, se o relacionamento rouba a sua paz interior, especialmente a sua comunhão com Deus é um grande indício que de o Senhor não está nesse relacionamento.

3ª dica – É paixão ou amor? - Um outro aspecto relevante é questão da diferença entre amor e paixão. Às vezes nos envolvemos numa paixão e nos machucamos achando que é amor. Paixão é algo avassalador, que nos leva a perder a razão, a lógica e até o temor de Deus. O amor, ao contrário, já é um sentimento maduro, consciente, nasce aos poucos, se desenvolve com o tempo e vai se fortalecendo diante das dificuldades. A paixão á algo passageiro, não resiste à distância, esfria, não espera. O amor, ao contrário, permanece “o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera e tudo suporta” (I Cor. 13:07). O amor sabe esperar o momento certo para o sexo (o casamento). A paixão não, pois é pura emoção. Para exemplificar esta questão, cito, como exemplo, o sentimento de Amnon por Tamar (II Samuel 13) e o sentimento de Jacó por Raquel (Gênesis 29).  Amnon se apaixonou por Tamar, sua irmã.  Após ter tido relações sexuais com ela, a deixou friamente.  Quantos jovens abandonam moças grávidas após satisfazer os seus desejos sexuais?! Jacó, por sua vez, amou a Raquel e o seu amor o fez esperar 7 anos até finalmente tê-la em seus braços. Além disso, trabalhou mais 7 anos para poder estar ao lado de sua amada definitivamente.

4ª dica – Enriquecimento – A Palavra de Deus afirma que a benção do Senhor enriquece e não acrescenta dores (Prov. 10:22).  O namoro que é da vontade de Deus traz um enriquecimento mútuo. Ou seja, traz um enriquecimento na área espiritual, profissional, familiar, etc. Deus que ama e cuida de nós certamente colocará alguém em nosso caminho que nos abençoe, que tenha algo de bom a acrescentar em nossa vida, que nos ajude a dar continuidade aos nossos sonhos.  Lamento muito quando vejo jovens se envolvendo sentimentalmente com pessoas que nada têm a acrescentar em suas vidas. Ao contrário, são pessoas que surgem para roubar a paz, o futuro e para trazer dor e destruição. O namoro, em caso como estes, se torna um verdadeiro sofrimento.

5ª dica – Convicção – Jesus certa vez disse que a palavra do cristão tem de ser sim, sim ou não, não e que tudo o que passar disso é de procedência do maligno (Mateus 5:37). Neste caso, o namoro aprovado por Deus é algo certo, definido e não indeciso.  Quando o relacionamento é envolto por inseguranças e incertezas, algo está errado e precisa ser revisto, pois a dúvida não procede de Deus.  Por isso, ao relacionar-se sentimentalmente com alguém é preciso pedir ao Senhor a confirmação sobre o namoro.  Se não houver certeza, ore bastante e busque a direção de Deus e se preciso for, abra mão do relacionamento antes que alguém se machuque.  Jamais se relacione com alguém sem que haja essa confirmação, essa convicção sobre os seus sentimentos. Entenda que um casamento é para toda vida. Afinal de contas, você está namorando pensando no futuro, fazendo planos para formar uma família. Se a sua visão é apenas ficar, passar o tempo, reavalie profundamente os seus conceitos, pois este não é o plano de Deus para o namoro.  

Aos solteiros, aconselho a que não se atemorizem com o tempo, pois vale a pena esperar em Deus. E como descrito em Eclesiastes 3, existe um tempo determinado para todo propósito debaixo do céu. Assim, o melhor a fazer é buscar a Deus, crescer espiritualmente e profissionalmente. Enfim, adquirir maturidade em todos os aspectos para que quando chegar o tempo de construir uma família, você possa ter uma estabilidade espiritual, emocional e material.

Prª. Ioná Loureiro. Formada em Letras, autora de diversas reflexões bíblicas em sites evangélicos. Pertence a Igreja Apostólica Renascer em Cristo (Penha) – RJ

interrogacao1

Agora também, ó Deus de Israel, cumpra-se a tua palavra que disseste a teu servo Davi, meu pai. Mas, na verdade, habitaria Deus na terra? Eis que os céus, e até o céu dos céus, não te poderiam conter, quanto menos esta casa que eu tenho edificado.    (I Reis 8.26-27)

 

Precisamos aprender a tomar decisões certas. Nós precisamos constantemente tomar decisões e para isso, precisamos de sábias orientações e isso só encontramos na palavra de Deus.

 

Provérbios 28.26 diz: “O que confia no seu próprio coração é insensato, mas o que anda em sabedoria, será salvo”.

Existem filhos (as) de Deus que estão entregando o seu coração a filhos (as) do mundo. Se você é filho (a) de Deus e o outro (a) do mundo, logo o diabo passa a ser o seu sogro.

Provérbios 18.15 diz: “O coração do entendido adquire o conhecimento, e o ouvido dos sábios busca a sabedoria”.

Existem pessoas que estão ouvindo muitas vozes por ai, menos a de Deus.

Provérbios 20.18 diz: Cada pensamento se confirma com conselho e com bons conselhos se faz a guerra”.

Viva os conselhos e direção da palavra de Deus. Não ande por ai buscando conselhos vazios.

 

Nossas decisões devem estar em linha, concordância com a palavra. Se não estiver, o resultado final será desastroso.

 

Nossos amigos não estão na rua, estão dentro da nossa própria casa. Não tem como você ter amigos aqui fora se você não tem nem dentro da sua casa (Provérbios 18.24)

 

Jeremias 1.12 diz: “E disse-me o SENHOR: Viste bem”

Minha vontade x Vontade de Deus. Nem sempre o que parece correto, bonito, legal aos nossos olhos, são certos, corretos. Nem sempre minha vontade é à vontade de Deus. Na verdade, à vontade Dele, tem que ser a minha. A vontade de Deus é boa, perfeita e agradável. Ele quer o melhor para a sua vida.

 

João 10.4-5 diz: “E, quando tira para fora as suas ovelhas, vai adiante delas, e as ovelhas o seguem, porque conhecem a sua voz. Mas de modo nenhum seguirão o estranho, antes fugirão dele, porque não conhecem a voz dos estranhos”.

Se você é do Senhor, você não pode ouvir outras vozes. A voz de Deus não trás confusão.

Quando estamos fora da palavra de Deus, nos sofremos.

 

João 5.2 diz: “Ora, em Jerusalém há, próximo à porta das ovelhas, um tanque, chamado em hebreu Betesda, o qual tem cinco alpendres”. 

Muitos estão na igreja mas não reconhecem a voz do Senhor.

 

Deus não vai te abençoar pelo que você tem, mas sim pelo que você é.

 

Muitos assim como o enfermo de Betesda, está vivendo com a idéia de “EU NÃO TENHO NINGUÉM” (João 5.7)

Ele achava que a ajuda viria de homens e esqueceu que a benção vem de Deus;

 

Deus está mostrando, falando e até mesmo GRITANDOOO para mostrar a sua vontade/direção, porém algumas pessoas não estão reconhecendo sua voz e outra até reconhecem perfeitamente, porém decidiram arriscar e sofre as conseqüências de uma decisão errada. 

 

Quando você começa a andar de acordo com a vontade de Deus, as coisas fluem.

 

Pr. Itamar Chinasso  – Igreja Batista Central de Itaúna (MG)

* Palavra ministrada no retiro de carnaval da Igreja Missionária Evangélica Maranata

coracao_mao_flores

Por mais que você pense que não, Deus se preocupa com a sua vida sentimental. Na verdade, Ele se preocupa com a sua vida como um todo.

Mais uma vez, vou transcrever aqui a palavra que Deus enviou por meio da Elvira Tito (irmã do pastor e cantor Álvaro Tito) aos que estiveram presentes no retiro de carnaval 2009 da Igreja Missionária Evangélica Maranata. 

 

Texto base, João 4.3-19

4:3    Deixou a Judéia, e foi outra vez para a Galiléia.

4:4    E era-lhe necessário passar por Samaria.

4:5    Foi, pois, a uma cidade de Samaria, chamada Sicar, junto da herdade que Jacó tinha dado a seu filho José.

4:6    E estava ali a fonte de Jacó. Jesus, pois, cansado do caminho, assentou-se assim junto da fonte. Era isto quase à hora sexta.

4:7    Veio uma mulher de Samaria tirar água. Disse-lhe Jesus: Dá-me de beber.

4:8    Porque os seus discípulos tinham ido à cidade comprar comida.

4:9    Disse-lhe, pois, a mulher samaritana: Como, sendo tu judeu, me pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana? (porque os judeus não se comunicam com os samaritanos).

4:10    Jesus respondeu, e disse-lhe: Se tu conheceras o dom de Deus, e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva.

4:11    Disse-lhe a mulher: Senhor, tu não tens com que a tirar, e o poço é fundo; onde, pois, tens a água viva?

4:12    És tu maior do que o nosso pai Jacó, que nos deu o poço, bebendo ele próprio dele, e os seus filhos, e o seu gado?

4:13    Jesus respondeu, e disse-lhe: Qualquer que beber desta água tornará a ter sede;

4:14    Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna.

4:15    Disse-lhe a mulher: SENHOR, dá-me dessa água, para que não mais tenha sede, e não venha aqui tirá-la.

4:16    Disse-lhe Jesus: Vai, chama o teu marido, e vem cá.

4:17    A mulher respondeu, e disse: Não tenho marido. Disse-lhe Jesus: Disseste bem: Não tenho marido;

4:18    Porque tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido; isto disseste com verdade.

4:19    Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta.

 

Existem pessoas que não consultam a vontade de Deus sobre certos relacionamentos, pois sabem que a resposta de Deus será um tremendo NÃOOO. Sabem que o relacionamento esta fora da vontade e do plano de Deus, porém insistem no erro.

 

Nós precisamos obedecer, confiar e acreditar que Deus tem o melhor para nós independente de qualquer coisa, principalmente do tempo. Porém muitos filhos de Deus entregando o seu coração ao primeiro (a) que passa pela frente. Deixam-se levar pelo papo daquele (a) que não é filho (a) de Deus e só quer brincar com o seu coração.

 

Segundo a própria Elvira Tito, ela viveu um relacionamento de 4 anos que não era da vontade de Deus, mesmo assim ela insistia no erro, mesmo Deus falando por meio da palavra, dos pais, amigos e etc, ela resolveu investir por contra própria e acabou sofrendo muito com as conseqüências dessa desobediência.

 

Deus sabe os desejos do nosso coração. Precisamos ter maior diálogo com Deus.

Assim como a mulher de Samaria, precisamos ser sinceros: “Senhor se não for de ti esse namoro, tem que acabar”. Ela fez essa oração e tomou atitude em relação a isso.   

Muitas pessoas saem de um relacionamento e entram logo em outro. Levam o lixo de um para o outro, assim como a samaritana.

Deus tem o melhor para você. Luz e trevas não podem andar juntas, ou você vive em total claridade com Cristo ou vive na escuridão do pecado e da desobediência.  

 

Elvira Tito – Assembléia de Deus de Campo Grande (RJ)

biblia1

QUAL À VONTADE DE DEUS PARA A MINHA VIDA?

 

Essa é a pergunta que muitas pessoas tem feito nestes dias.

Vou transcrever aqui a palavra que Deus enviou por meio do pastor Itamar Chinasso, da Igreja Batista Central de Itaúna (MG) aos que estiveram presentes no retiro de carnaval 2009 da Igreja Missionária Evangélica Maranata.  

 

Para fazer escolhas certas precisamos:

 

  1. SABER A VONTADE DE DEUS (EFÉSIOS 5.16 E 17)

Remindo o tempo; porquanto os dias são maus.

Por isso não sejais insensatos, mas entenda qual seja à vontade do Senhor.

 

Uma das maneiras de saber a vontade de Deus é através da sua palavra. Tem muita gente por ai seguindo a Bíblia pela metade. Guarda os versículos da promessa e tal, porém deleta os da disciplina, da correção, os mandamentos.

Quem não conhece a vontade de Deus, não pode ser chamado filho de Deus. Filho de verdade, obedece às instruções do Pai, pois saber que é o melhor para si.

Só olhar para Deus não nos ajudará saber a vontade Dele. Precisamos saber o que passa no coração do Pai. Precisamos conhecê-lo, ter intimidade.

Deus não quer ser olhado, admirado, mas sim obedecido.

Deixe de andar na contramão da palavra e viva o que há de melhor. Siga o Pai.

 

      2. COMO EU DESCUBRO O CORAÇÃO DE DEUS? (JEREMIAS 9.24)

Mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em me entender e me conhecer, que eu sou o SENHOR, que faço beneficência, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o SENHOR.

 

Deus tem o melhor para nossas vidas (Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais.  - Jeremias 29.11)

Nos prestamos a Deus um culto racional, portanto, precisamos pensar, raciocinar e não tomar decisões precipitadas, impensadas e que muita das vezes fere o coração do Pai. Muitos cristãos estão passando a frente de Deus e lá na frente estão quebrando a cara e colocando a culpa em Deus. Vitória ou fracasso, não é fruto do acaso. É fruto do que você semeou.

Tem benefícios quem esta na linha com a vontade de Deus.  

Precisamos ler e viver a palavra de Deus, só assim podemos descobrir o que se passa no coração do Pai.

 

NINGUÉM GOSTA DE FICAR NA SALA DE ESPERA DE DEUS (JÓ 1.1)

HAVIA um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; e era este homem íntegro, reto e temente a Deus e desviava-se do mal.

 

Jô não desejava mal para os outros. Ele tinha censo de justiça.

Tem coisas que precisamos correr, fugir, abandonar (injustiça, mentira, fofoca, relacionamento impróprio, propostas indecentes, coisas ilícitas e etc)

Jó era temente a Deus.

Algumas coisas/atitudes Deus deixa pra gente fazer (exemplo: parar de fumar, pecar, mentir e etc). Ele tem poder para fazer você abandonar isso, porém ele quer que você tome a decisão de abandonar tais coisas.

 

Gênesis 4.7 (Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar), nos ensina a desviar do mal, pois a MINHA vontade por mais que seja legal, bonitinha e tal, é perigosa.

A minha vontade é perigosa se ela não passa pela de Deus. E para vencer a carne, somente através da palavra.

 

Deus tem o melhor para você, portanto, siga a vontade de Deus para a sua vida.

 

* Louvor: Nani Azevedo – Bendito Serei.

 

Pr. Itamar Chinasso  - Igreja Batista Central de Itaúna (MG)

 

deus_ceu-azul

É bom termos um dia para lembrarmos do nosso pai.

Só que quase nunca dizemos o quanto eles são importantes nas nossas vidas. Tem pessoas que não consegue dizer “Pai, eu te amo”.

 

O sermão de hoje fala de um grande pai: Abraão, um grande patriarca.

 

2.100 aC, Deus chama Abraão para restaurar e redimir a raça humana. Deus queria um homem que fosse seu amigo e desse homem Ele iria fazer uma nação: os israelitas. Uma nação que iria ensinar as outras nações e de onde viria Jesus Cristo.

 

Deus se revela a Abraão e mostra seus planos para ele (Gênesis 12).

Ele creu, juntou a família e saiu de UR (mais ou menos onde hoje é o Iraque) e vai para Canaã, a Terra Prometida. Ali ele ergueu um altar a Deus e continuou a sua caminhada.

 

Gênesis 12.10 – Abraão recebe uma chamada, uma semente, uma visão de Deus. Essa passa a ser a visão da sua vida e ele passa a viver para ela.

Abraão e sua família tinham convicção sobre a visão de Deus. Todos creram e foram em busca da benção. Só que foi ao contrário que aconteceu, havia fome! Para Abraão isso era muito significativo porque ele não sabia o que era fome, em sua terra ele era próspero. Ele deve ter achado estranho aquela fome, pois ele largou tudo para servir a Deus.

Provavelmente ele pensou em voltar, pois ele, sua família e seus animais saíram da abundância para a fome.

Isso já aconteceu com você? Deus te dá uma promessa e acontece ao contrário? Quem não questiona a Deus, numa situação como essa.

Alguns pastores, algumas pessoas fazem o que Abraão fez, largam tudo por Deus e aquilo que deveria ser benção, vira perseguição.

O tempo passa e Abraão começa a ser cobrado. A pessoa que recebe a visão de Deus é a responsável, é a cobrada.

Será que era de Deus mesmo? A gente veio, deixou tudo e agora essa fome? Abraão diante de tudo aquilo deve ter orado e buscado a Deus.

Nós temos uma tendência natural de agir precipitadamente quando estamos sobre pressão. Isso também aconteceu com Abraão. Ele foi para o Egito, sem consultar a Deus e fez tudo errado, e com isso perdeu a chance de viver o sobrenatural de Deus.

Deus levou Abraão a um lugar onde não haveria outra fonte além de Deus. Com certeza o sobrenatural iria acontecer, o Senhor iria se manifestar ali.

Deus usa o sobrenatural para te suprir! Deus faz milagres para você!

Tudo piorou quando Abraão foi para o Egito. Lá a realeza estava procurando belas mulheres. É fato histórico que os egípcios não eram atraídos pelas mulheres egípcias e sim pelas estrangeiras.

 

Gênesis 12:10-20 – Abraão não era bobo e sabia da preferência dos egípcios, ele mentiu e mandou Sara dizer que ela era sua irmã. Descer para o Egito foi desobediência a Deus, e o Senhor desmascarou a mentira e mostrou para Faraó que Abraão tinha mentido. É sempre assim, saiu da presença de Deus e “a casa cai”.

Apesar da desobediência de Abraão, Deus mostrou misericórdia e graça e perdoou Abraão. Deixou ele sair vivo e com a sua esposa.

Deus te chamou para ser filho. Se o filho erra o pai deixa de amá-lo?

Ele te deu a vida eterna… Ele prometeu te amar… Ele prometeu te proteger.

As decisões erradas que tomamos geram conseqüências. Se você ama a Deus, você não pode ficar mandando sempre Jesus para cruz. Você não pode voltar para o “vômito” de onde você saiu e nem pode voltar para aquilo que Deus mandou você abandonar.

Algumas pessoas têm desculpas para as suas próprias mentiras e para seus pecados. Há pessoas que estão em desobediência, estão em pecado e dizem: Deus está me usando, Ele está comigo, Ele tem me abençoado, quando na verdade, Deus não está com você, Ele tem é misericórdia de você.

 

Hebreu 11 – Galeria dos heróis da fé.

Abraão foi o único que não fez milagres, que não pregou que não teve ministério. O que ele fez para estar nessa galeria? A Bíblia diz que Abraão creu e porque ele creu, ele obedeceu.

Não é o que você faz para Deus que é o certo, é o quanto você obedece a Ele. Quem ama obedece.

Abraão aprendeu a lição: saiu do Egito e voltou para a Terra Prometida. Gênesis 13:3-4

 

Abraão e Sara estavam começando sua jornada com Deus. Eles erraram, mas Deus os ajudou a chegar ao centro da vontade Dele e eles aprenderam com os erros.

Nessa vida, nós temos também aprendido. Nós vamos errar sim, mas temos que tentar acertar.

Sobre nós está o Espírito Santo de Deus e por isso temos que buscar qual o caminho certo a seguir.

Faça o que Abraão fez, erga um altar a Deus no seu quarto, na sua casa, e procure a voz de Deus e a Sua orientação.

 

O coração do homem é enganoso e corrupto. Cuidado com as emoções!

Algumas pessoas falam que largaram tudo e fizeram o que Deus queria. Dão o dízimo, as ofertas, mas estão passando fome, e necessidades.

O que está acontecendo? Não estou vivendo o sobrenatural!

Deus é misericordioso e o sobrenatural irá acontecer. Ele quer usar o sobrenatural para que todos vejam que Ele é Deus.

Busque, ore, adore e espere no Senhor.

Muitos dizem: “Pastor errei e estou no Egito; pensei que ia matar a minha fome, mas estou todo enrolado”.

Volte, se arrependa, se concerte com Deus e foge da falsa graça.

Há pessoas que estão se afastando de Deus, porque acreditam na falsa graça, como Abraão acreditou. Ele achou que ao ir para o Egito e a fome passaria.

Clame ao Senhor e Ele dará a direção certa a seguir. Tem coisas que a gente não tem coragem de falar. Coisas que de tanto temor que temos a Deus, não queremos verbalizar a nossa insatisfação.

 

Não dá para contar para ninguém, mas o teu Deus sonda os teus pensamentos e diz que essa fome é proposital, porque é nessa fome que você vai buscá-Lo, vai estar sensível a sua voz e Ele vai te moldar, te dar o caráter de Cristo e vai te ensinar a amar como Jesus amou.

 

A mão de Deus irá te renovar!

 

Deus abençoe

 

Ap. Rina – Igreja Evangélica Bola de Neve (SP)

lobo_ovelha

Estas são as perguntas que a maioria dos jovens estão fazendo diariamente, pois grande numero de jovens tem deixado seus corações se levar por pessoas que estão longe de Deus. Quero começar citando um capítulo bíblico que nos diz:

“Não vos prendais a um julgo desigual com os infiéis; porque que comunhão tem a luz com as trevas? Que parte tem o fiel com o infiel? Porque vós sois templo de Deus. Por isso saí do meio deles, e apartai-vos diz o Senhor; e não toqueis em coisa imunda; e ai sim eu vos receberei” (II Corintios 6,14 a 18).

 

Deus nos ordena que não devemos nem tocar no que está no mundo, mas o que leva ao jovem a se relacionar com uma pessoa mundana é a esperança de que com o tempo a pessoa vai se afirmar na igreja, esse é um artifício que satanás tem usado para confundir os jovens que se deixam levar pela EMOÇÃO e se esquecem de viver pela RAZÃO.

 

O que os jovens precisam aprender, é viver primeiro pela razão dos fatos para depois dar lugar para a emoção, pois a emoção poderá te cegar, a bíblia fala que enganoso é o coração do homem e em provérbios 3.7 diz: “Não seja sábio aos seus próprios olhos; teme ao Senhor e aparta-te do mal”.

 

Mas o que os jovens tem falado aos pastores é o seguinte: “Pastor, eu creio que Deus vai restaurar a vida do meu namorado (a), eu tenho fé para isso, você acha que se ele se apaixonar por mim eu não arrasto ele (a) aqui para a igreja? É obvio que uma pessoa irá freqüentar uma igreja evangélica em função de um namoro com você, o fato é que na maioria das vezes a pessoa não estará na igreja em motivo de adoração a Deus, mas sim para manter as aparências em função de um namoro, e isso poderá trazer sérias conseqüências no futuro do seu ministério.

 

Uma certa vez, uma jovem começou a namorar um rapaz do mundo e se apaixonou perdidamente por ele, todos tentaram tirar aquele rapaz da cabeça dela, mas o sentimento que tomou posse dela de forma que a cegou completamente. Ela já não dava mais ouvidos aos pais nem ao próprio pastor e continuou o namoro com a fé de que ele iria se converter, e de fato o moço ouvindo os conselhos dela foi para a igreja e aceitou Jesus. Passando o tempo, ele parecia estar firme na igreja e ela decidiu se casar com o rapaz, e após o casamento, dias depois da lua de mel, ela o chamou para ir à igreja e ele disse: “Eu nunca mais pisarei em uma igreja, eu ia até a igreja e dava glórias a Deus para segurar você até  casamento, é que eu te amava e não queria te perder… Aquela jovem viveu longos anos de angústia na alma porque deixou de viver pela razão para viver somente pela emoção, sendo assim, o jovem do qual ela se casou, nunca mais pisou na igreja.

 

A precipitação na maioria das vezes traz tristes resultados.

 

Viva somente debaixo da orientação de Deus e serás como uma árvore plantada junto a ribeiros de água, a qual dá o seu fruto na estação própria e TUDO quanto fizer, prosperará (Salmos 01.03)

 

AMADOS, NÃO SE PRECIPITEM.

DEUS TEM O QUE HÁ DE MELHOR NESTA TERRA PARA VOCÊ.

 

Cléuvis Casagrande (Conselhos do Céu)

amanhecer1

Rute 2:1-23

 

De acordo com a lei de Moisés, o estrangeiro e o pobre poderiam colher o que sobrasse (caísse no chão), da colheita feita pelos servos dos fazendeiros. Rute foi a um campo, sem saber de quem era, e trabalhou muito, colhendo das sobras das espigas colhidas pelos servos de Boaz, que, ao chegar da cidade, viu aquela desconhecida e perguntou aos seus servos quem ela era, e descobriu que ela era moabita e que havia deixado sua família, deuses, e nação, por amor a Noemi e ao Deus de Noemi. Essas informações mexeram com o coração de Boaz, e ele a beneficiou, tratando-a com muito mais honra do que se esperava.

 

Rute achou estranho tudo aquilo, então perguntou a Boaz por que ele a tratava daquela maneira, e sua resposta foi: “… O Senhor retribua o teu feito, e seja cumprida a tua recompensa do Senhor Deus de Israel, sob cujas asas vieste buscar refúgio.” (Rute 2:12)

 

Aos olhos do mundo, pode parecer que somos loucos quando agimos por fé. Às vezes, podemos parecer insanos quando decidimos seguir a vontade de Deus, abrindo mão de nossa própria vontade, ou de vantagens significativas desse mundo. Até mesmo pela família da fé, de vez em quando somos considerados irresponsáveis ou confusos, quando tomamos a decisão de seguir pelo caminho estreito.

 

As palavras de Boaz, porém, deveriam servir de consolo e de encorajamento para nós, filhos e filhas de Adão, que decidimos buscar refúgio sob as asas do Deus de Israel.

 

Por mais difícil que seja, por mais incerto que pareça ser o nosso futuro, por mais preocupante que seja a nossa situação financeira, por mais crítico que seja o nosso estado de saúde, por mais perigosa que seja a nossa jornada, quando nos refugiamos sob as asas do Deus Altíssimo, estamos realmente seguros e protegidos.

 

O feito de Rute não chamou a atenção de Boaz, mas do Deus de Boaz.  Deus direcionou Rute para aquele campo, e direcionou Boaz, para que lá estivesse, o que nem sempre acontecia. O Deus de Boaz queria recompensar a fé, a determinação, a fidelidade e o altruísmo de Rute, e foi o que Ele fez.

 

Quando Deus recompensa:

 

Ele nos permite ver os frutos do nosso trabalho. Ele multiplica o pouco que Lhe demos. Ele cuida de nós diante dos inimigos. Ele nos ampara quando estamos desamparados. Ele nos fortalece quando estamos fracos. Ele cura nossas doenças. Ele nos honra quando nos humilham. Ele é Bondoso quando a maldade ronda nossas casas. E se isso não bastasse, Ele ainda guarda para a eternidade de recompensas que nem podemos imaginar.

 

Pense:

 

Vale a pena dedicar e consagrar nossas vidas ao Senhor, porque, quando Deus recompensa, veremos a Sua poderosa mão agindo em nosso favor.

 

Tuta Moraes (Irmão.com)

dificuldades_relacoes 

O comportamento ditado pela sociedade atual contraria a Palavra de Deus em muitos pontos. No entanto, essa postura é normalmente aceita. Para algumas pessoas, esse tipo de atitude é conseqüência da falta de orientação bíblica. Até os jovens que se dizem crentes começam a namorar sem pensar nos princípios cristãos que devem orientar seu comportamento. Sem saber para onde estão indo, caem facilmente nas ciladas do Diabo cometendo imoralidade e indo por caminhos que levam à perdição. Muitos fecham os olhos e escolhem mal seus companheiros. E, com o passar do tempo, as conseqüências são desastrosas.

Em nossas igrejas, vemos muitas coisas, ficamos sabendo de problemas que nos dão medo. Há jovens que acreditam ser possível namorar uma pessoa não-crente e depois levá-la para o Evangelho. Pergunto: “Será que vale a pena seguir por esse caminho?” Certamente vários jovens passaram por situações como essa. Isso não me deixa admirado. Em nossas igrejas, rapazes e as moças, muitas vezes, têm atitudes que não agradam aos homens e muito menos a Deus. A inversão de valores hoje é muito grande e tende a piorar cada dia mais. A mídia em geral influencia muito. Ela passa a imagem de que tudo é normal. Os princípios cristãos que nossos pais ensinaram parecem não ter importância. Tudo é festa.

Se você acredita que é possível namorar um não-crente na esperança de que ele venha a se converter depois, para um pouquinho para pensar e colocar suas idéias no lugar. Peça direção a Deus, pois a Bíblia é muito clara. Em 2 Coríntios 5.17, o Senhor nos diz que, “se alguém está em Cristo, nova criatura é. As coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo”. Se você é nova criatura não deve se misturar com as coisas velhas (o mundo).


Não existe nada melhor do que estar nos caminhos do Senhor e ter uma vida dedicada a Ele. É típico do ser humano viver preocupado com o amanhã. A maioria dos jovens crentes fica ansiosa para saber se a pessoa por quem está interessada é da vontade de Deus. Tudo isso é normal, faz parte da nossa vida, que é constituída por diversas fases. Entretanto, tudo tem seu tempo.

Na igreja, tanto o rapaz quanto a moça devem observar os valores morais e cristãos. O correto é que seja escolhido do jardim de Deus uma jovem ou um jovem que teme ao Senhor, que seja interessado nas coisas divinas. Assim haverá mais possibilidade de o jovem vir a ter um namoro abençoado e um casamento sólido, alicerçado e feliz. Uma jovem temente a Deus será uma ótima esposa, companheira fiel, amiga nas horas mais difíceis, alguém que cuidará de seu esposo e também será uma ótima companheira de oração. Uma esposa assim vai orar em prol do crescimento de seu marido. Afinal, ela sabe que se ele crescer tanto na vida material quanto na vida espiritual, ela também crescerá. A Bíblia diz que a mulher sábia edifica sua casa. A mulher que teme a Deus é sábia. Por sua vez, um jovem temente ao Senhor em primeiro lugar vai amar sua mulher como Cristo amou a Igreja, pois assim a Bíblia ensina. O marido cuidará do lar, protegerá sua amada, será companheiro e amigo.

Então, depois de tudo que já falei, acredito que o ideal para a vida do jovem é começar um relacionamento com alguém que anda nos caminhos do Senhor. E o lugar mais fácil para se encontrar uma pessoa com esse perfil, com certeza, é na Casa de Deus.

Marcos Peres – Igreja Metodista Wesleyana

O que você acha sobre o assunto? Deixe o seu comentário.

 

Quer ler outro artigo sobre o assunto? Quer ficar mais informado (a) sobre esse tema?

Acesse: http://www.conselhosdoceu.com/devona.html

triste_amor

“Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?” Jeremias 17:9.

Se existe uma frase que se escuta com muita freqüência em nossos dias é a seguinte:

“Escute a voz do seu coração”.

O homem definitivamente decidiu agir por conta própria. Não interessa o que as pessoas ou principalmente Deus irão pensar dele. O certo é fazer o que o seu coração manda. E ai daqueles que forem contra os seus atos e pensamentos! Pois você é LIVRE e tem todo o direito de pensar e agir como quiser.

Mas o que tem dito e tem sentido o coração do homem em nossos dias? Muitas coisas os corações têm desejado, e, na maioria das vezes, contrariam as leis e a vontade de Deus.

Conseqüências trágicas nós vemos em massa. Famílias e vidas destruídas, pessoas desesperadas e o respeito e a moral totalmente instintos da nossa sociedade. Basta ligarmos a TV e veremos em toda sua programação como viver segundo o seu coração. Leis já foram aprovadas e muitas ainda estão para serem votadas, todas em prol da “liberdade” humana.

Hoje, para fazer a propaganda de um creme dental, você tem que assistir praticamente à total depravação da mulher. Vemos pessoas baterem no peito e dizerem: “Fui contra tudo e contra todos e me assumi, e agora o resto que se dane, vão ter que me engolir”.

Queridos, será que temos engolido tamanha podridão? Qual têm sido as nossas atitudes perante tais pensamentos? Ou será que temos vivido na nossa, pensando que só Deus para ter misericórdia?

Que a misericórdia do Senhor é grande todos nós sabemos, só que Deus requer de nós muito mais que pensamentos: ele precisa de servos com ousadia, coragem e amor para enfrentar esse mundo e dizer a esses corações tão dilacerados pelo pecado que enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e que só Deus tem as respostas que todos precisam.

Levantemos do nosso comodismo, e avancemos, mostremos aos homens o quanto Jesus os ama. Em vez de perdermos tempo reclamando do governo, do emprego, do time de futebol, do nosso patrão, da nossa igreja, dos presbíteros,do nosso irmão, do tempo, do cabelo, ganhemos tempo proclamando a salvação, e que dos nossos lábios saiam as boas novas que os corações precisam conhecer: Jesus!

Lidiane Saiol (Irmãos.com)

Esse texto te abençoou? Falou de alguma forma ao seu coração? Não deixe de fazer o seu comentário sobre o assunto.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.